Com seis anos de existência, Canil é referência na busca por drogas

Com seis anos de atuação, o Canil da Guarda Civil Metropolitana (GCM) de Ribeirão Preto possui, atualmente, sete cães (Apache, Black, Conan, Fenrir, Hope, Odin e Venon). Destes, seis são especializados em situações de tráficos de drogas, onde o faro apurado facilita encontrar os entorpecentes, e um (Hope) especializado em encontrar pessoas desaparecidas.

Com seis anos de atuação, o Canil da Guarda Civil Metropolitana (GCM) de Ribeirão Preto possui, atualmente, sete cães (Apache, Black, Conan, Fenrir, Hope, Odin e Venon). Destes, seis são especializados em situações de tráficos de drogas, onde o faro apurado facilita encontrar os entorpecentes, e um (Hope) especializado em encontrar pessoas desaparecidas.

As ocorrências registradas neste ano com atuação do canil foram de tráfico de entorpecentes, em sua maioria, mas também de roubo, furto, danos ao patrimônio, encontro de veículos, agressão e lesão corporal, com a apreensão de 233 quilos de maconha, 785 gramas de crack e 7,2 quilos de cocaína, ecstasy, LSD, pés da planta Cannabis Sativa.

Além dessas drogas, diversos itens foram apreendidos pela equipe do Canil, como dinheiro, balanças de precisão, plásticos para embalar drogas, celulares, chave mixa, facas, armas, simulacros de armas, cartuchos de vários calibres, rádios transmissores, bicicletas e motos.

Em 2022, foram efetuados 37 Boletins de Ocorrência e 20 prisões em flagrantes com a participação do Canil. As ocorrências foram de tráfico de entorpecentes, em sua maioria, como também de roubo, furto, danos ao patrimônio, encontro de veículos, agressão e lesão corporal.

O Canil da GCM realiza patrulhamentos preventivos em praças, parques, próprios públicos auxiliando no combate ao comércio ilegal de entorpecentes e se deparando com situações anormais é realizada a averiguação além de operações conjunta com o Ministério Público com o mesmo objetivo, e além de averiguar também denúncias realizadas pelos telefones 153 e (16) 3632-4747.

NANDO MEDEIROS

Learn More →

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: