Em 3 meses Botafogo perde seis dos seus apaixonados colaboradores

A morte de Leandro Vieira no último sábado (03) foi a sexta perda para o Botafogo FC  em um intervalo de apenas 91 dias, dois deles com idades abaixo dos 43 anos. O próprio Leandrão, como era carinhosamente chamado no clube, aos 42 anos e Henrique dias que partiu no dia 02/11/17, aos 33 anos de vida.

Ainda no mês de novembro, mais precisamente no dia 05, quem partiu foi o ex-presidente Silvio Martins, aos 68 anos.

Em janeiro de 2018, no dia o2, foi a vez de José Taverna, 98 anos, ex-presidente do conselho deliberativo do clube e no dia 18 foram mais duas perdas, João Batista Sarti, conselheiro e ex-presidente o clube, além do conselheiro Luiz Lopes de Camargo.

A nação botafoguense enlutada chora suas perdas ao passo que se fortalecem para dar prosseguimento aos legados deixados por aqueles que agora passam a zelar pelo Botafogo FC em um outro plano.

Em tempo: No último sábado (03) também faleceu a Sra. Cristina Milioti da Silva, 96 anos, esposa do ex-presidente Valdomiro Silva (Vadão) e mãe do também ex-presidente Walcris da Silva.

Prestigie nossos parceiros

Seja o primeiro a comentar

Comente à vontade, este espaço é seu! Só lembre-se de ser respeitoso para com quem pensa diferente.